LISBOA DEGUSTA

A Dieta Mediterrânica é um património cultural milenar, transmitido de geração em geração, que, ao candidatar-se a património mundial, decidiu partilhar os seus segredos com o Mundo.

Portugal

Tem por base  a utilização de alimentos frescos provenientes dos seus terrenos lavrados, vinhas, olivais e pomares, bem como dos seus extensos mares.


A alguns deles foram, inclusivamente, atribuídos valores sagrados e agregadores, como é o caso do pão, do vinho e do azeite utilizados em práticas de ritualização.


A cozinha portuguesa é caracterizada pela diversidade e riqueza nutricional desenvolvida com perícia ora em casa de camponeses e pescadores, burgueses e aristocráticos e ou nas diversas casas conventuais.


Mais do que uma forma de subsistência, a hora da refeição foi, desde cedo, encarada como um ritual de união e partilha entre família e amigos.


Marcam presença regular, na Dieta Mediterrânica, as sopas, cozidos, guisados, ensopados, caldeiradas, pães e saladas condimentados com sal, azeite e ervas aromáticas diversas, frutas frescas e frutos secos, água e vinho, sendo considerada uma das dietas mais saudáveis do mundo.


Portugal orgulha-se de praticar a Dieta Mediterrânica, por ser uma dieta saudável, colorida e diversificada que conjuga o acto de degustar alimentos com o acto de conviver com a família e amigos.


É a dieta do bem-estar,  em que se aproveita para comer e conversar, para apanhar sol e rir, para viajar e conhecer lugares novos e novas formas de cozinhar os mesmos alimento, é a dieta da comunhão e da partilha.




Em Lisboa, capital e cidade cosmopolita, é possível encontrar e degustar as mais diversas especialidades apresentadas pelo país fora.







Comentários

  1. Boa tarde, gostava de degustar Lisboa, faz visitas guiadas?

    ResponderEliminar
  2. Olá Luis,
    sim, efectivamente existe a possibilidade de fazer uma visita degustativa de Lisboa e os seus petiscos comigo.
    Para o efeito tenho um percurso idealizado e que se realiza:

    SEXTAS 20H – DEGUSTA LISBOA
    Este é um itinerário de fazer crescer água na boca. Vai descobrir que, na cidade de Lisboa, comer e beber parece não ter fim. É um roteiro que começa com a Ginjinha, passa pelo Pastel de Bacalhau, e termina com o Pastel de Nata. Por entre anos de história e lugares memoráveis vai poder deliciar-se com alguns dos melhores petiscos da capital.
    As visitas realizam-se mediante inscrição prévia e com um mínimo de 4 px.
    Ponto de Encontro: A Ginjinha (no Largo de S. Domingos – Rossio).
    Preçário: 35€ PX (inclui degustação de petiscos portugueses)
    Duração: 4h
    Grau de dificuldade: Baixo
    Idiomas: PT/EN
    Telefone: 93 848 63 98

    Existe, ainda, a possibilidade de ser elaborado um itinerário ao gosto do "freguês" que inclua os sue pratos favoritos, ou aqueles que nunca experimentou, sempre nos locais mais indicados para o efeito.

    Obrigado e até breve.
    ES

    ResponderEliminar

Publicar um comentário

Mensagens populares