Panteão Nacional comemora 100 Anos com exposição - “Reis e Heróis – Os Panteões em Portugal” |

O Panteão Nacional inaugurou no dia 13 de Dezembro a exposição “Reis e Heróis – Os Panteões em Portugal” que assinala os 100 anos da escolha da Igreja de Santa Engrácia para Panteão Nacional e os 50 anos da sua inauguração.

Para a exposição foram seleccionadas peças originais pertencentes a alguns dos mais importantes museus, monumentos e palácios portugueses, que incluem exemplares de pintura, ourivesaria, escultura, têxteis e livros. Trata-se de uma mostra de peças emblemáticas, revestidas de valor histórico, simbólico e artístico, alusivas às personalidades integradas nos vários Panteões.

A iniciativa, que tem como objectivo abordar os diferentes locais que ao longo do tempo foram escolhidos para Panteões, conduz-nos por fim ao conceito de Panteão Nacional e estará patente ao público até 7 de maio de 2017.
Aproveite para conhecer um dos mais originais e emblemáticos monumentos da cidade de Lisboa.

O início da sua história remonta ao século XVI, quando este foi mandado construir pela Infanta D. Maria, filha de D. Manuel I e, após um desacato, as obras de conclusão se arrastaram até ao século XX, dando lugar à não menos emblemática expressão “Obras de Santa Engrácia”, que significa algo que “nuca mais” tem fim.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Moscatel World adoça a festa da Casa da Cerca, já este fim-de-semana.

O Portugal Fashion arrancou, este fim-de-semana, em Lisboa

CASTELO DE SÃO JORGE - LISBOA